terça-feira, agosto 02, 2011

40º à sombra



no fundo da avenida
bebendo um capilé
quarenta graus à sombra
nas mesas de café
e aquela rapariga
eu já nem sei o que dizer
o que fazer
o que dizer
o que fazer

aihaiah
mediterrâneo agosto
em pleno verão
aihaiah
o sol a pino e eu faço
uma revolução
aihaiah

parte um navio
desce a maré
vejo o céu vermelho
tomara que estivesse a arder
e aquela rapariga
eu já nem sei o que dizer
o que fazer
o que dizer
o que fazer

aihaiah
mediterrâneo agosto
em pleno verão
aihaiah
o sol a pino e eu faço
uma revolução
aihaiah

eu só te quero a ti
eu só te quero para mim
agosto aqui para mim
só tem um fim
é ter-te a ti
só para mim
agosto aqui
só para mim



Radar Kadafi