quinta-feira, março 05, 2009

Sonhos, esperanças, ilusões...



Deixa-me alimentar sonhos, esperanças e ilusões...
Que um dia vou poder beijar-te, que vou poder despir-te.
E a minha boca vai percorrer o teu corpo, lambendo cada recanto.
E a tua voz vai acariciar-me os ouvidos, com os teus doces gemidos.
Que eu, perdido nos teus braços, seguindo o teu perfume, vou descobrir o teu gosto, deliciar-me com o teu mel.

Deixa-me alimentar sonhos, esperanças e ilusões...
Que um dia vou poder possuir-te.
E entre beijos molhados, chamar o teu nome a gemer.
E entre as tuas pernas, enlouquecer de intenso prazer.



Toni
Imagem retirada da net

1 comentário:

Feiticeira disse...

Não consigo deixar de aqui vir! Como sempre um texto lindo e maravilhoso que consegues escrever com tanto desejo paixão e esperança. Será mesmo um sonho? Continua assim Toni! Beijos!