terça-feira, fevereiro 19, 2008

Quero-te...


Sonho-te...
A despertar-me docemente para o amor...

Sonho-me...
Entregando-me a ti cheio de paixão.

Sonho-nos...
Levados pelo desejo, em momentos de carinho e ternura, declarando este amor entre beijos e carícias em corpos que se despem.

E então, ofegante, gemendo, perdido de paixão, olhar no fundo dos teus olhos e dizer-te:
Quero-te!!


Toni
Imagem retirada da net

1 comentário:

Feiticeira disse...

Muito bonito este poema, feito com muito sentimento escondido, mas não te deixes ficar só pelos sonhos, torna os reais para seres feliz e fazeres alguém feliz.