quinta-feira, dezembro 06, 2007

Lua Alta


Lua alta
E por trás
De tantas nuvens
Brilham estrelas...

Aqui,
Por trás desta neblina,
Brilho também...
Sozinha
E acompanhada
De mim
E de mais ninguém...

Não direi mais nada
É o silêncio que mais convém...

Agradecida,
A Lua
Sussurra:
Amém...


Ana Cristina Pozza
Imagem retirada da net

1 comentário:

feiticeira disse...

Uma pessoa se quiser consegue também brilhar sozinha e em silêncio, mesmo que o tempo não ajude com a sua névoa cerrada e rasteira ou mesmo que esteja nevoeiro ou uma escuridão.